sábado, agosto 30, 2008

Urbanidades


Está tão bonito! Sinto-me honrada.

2 comentários:

mines disse...

;)
Parabéns, Alexandra! Que curiosidade tenho em ouvir!

SombrArredia disse...

E quando a urbe a respirará?